Notícias
  • São Sebastião é o 1º do ranking ambiental entre 30 portos do País

      2017-06-20
    Fonte:

    O Porto de São Sebastião, administrado pela Companhia Docas de São Sebastião, conquistou a 1º posição no Índice de Desempenho Ambiental Portuário (IDA) da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). O ranking, divulgado no dia 19 últmo, avaliou também a gestão ambiental de outros 29 portos de todo o Brasil. No Estado de São Paulo, o índice contemplou os portos de São Sebastião, que obteve a primeira posição com 95,73 pontos, e Santos, que está na 12ª posição do ranking, com pontuação 64,12.
    Além de medir o grau de atendimento às conformidades ambientais, o IDA é uma importante ferramenta para a compreensão e comparação da dinâmica da gestão ambiental portuária. A metodologia utilizada pela Antaq no IDA considera 38 indicadores baseados na literatura técnica especializada, legislação ambiental aplicável e boas práticas observadas no setor portuário mundial. Os indicadores são classificados em quatro categorias, que avaliam a capacidade econômico-operacional, sociocultural, físico-química e biológico-ecológica.
    Para o resultado final do ranking, é feita a ponderação dos valores obtidos nas categorias. As avaliações do IDA são realizadas semestralmente desde 2012. Em sua última edição, o Porto de São Sebastião foi avaliado em 2º lugar no ranking, que permite também acompanhar a evolução dos aspectos ambientais nas instalações portuárias.
    Esse é o segundo reconhecimento ambiental conquistado pelo Porto de São Sebastião somente em 2015. Em março, já havia sido o primeiro e único porto do país a receber a ISO 14001, certificação internacional que atesta a qualidade do desempenho da gestão ambiental da companhia.
    Mais sobre o Porto
    As conquistas ambientais do Porto de São Sebastião são frutos de constantes investimentos da companhia. No total, foram destinados mais de R$ 25 milhões de investimentos nos últimos quatro anos, contemplando 10 programas de monitoramento da qualidade e educação ambiental, Central de Armazenamento e Triagem de Resíduos do Porto, aquisição de equipamentos de  monitoramento  de emissões atmosféricas, treinamentos e capacitações, entre outras ações. Também foi implantado, em 2013, o Ceate (Centro de Atendimento) do Porto de São Sebastião, que opera 24 h/dia e conta com equipes capacitadas para atender emergências ligadas a vazamentos de óleo no mar.
    O Porto de São Sebastião é também o primeiro do Brasil a possuir um Plano de Área, que reúne as medidas  necessárias  a serem  tomadas  em  caso  de  acidentes  com derramamento de óleo na área do Porto Organizado.
    Fonte: Ascom/Secretaria Estadual de Logística e Transportes

© SABER GLOBAL - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por SUED Design